Há dias assim

Gostamos de fazer planos, mas a verdade é que…a realidade ultrapassa-os.
Ontem estive grande parte do dia no hospital.
O meu pai teve um princípio de enfarte, o mesmo é dizer que teve um dos pequenos, um grande susto. E ficou por lá…e por lá continua e continuará nos próximos dias.
Por isso não esperem grandes participações aqui nos próximos dias…

Coisinha Feia este texto!!!

Gosto de animais.
Não em demasia, mas gosto. Nunca terei um cão num apartamento, acho ofensivo. Tanto para o cão, como para os vizinhos e para o próprio apartamento. Mas não critico quem os tenha, e conheço várias pessoas que os têm e não é por isso que gosto menos dessas pessoas. Deixo os exemplos da minha avó e namorada.
Eu sou assim, o que fazer?
Lembrei-me de escrever este post, e sinceramente não sei se vou fazer algum ponto, depois de receber uns mails sobre a questão do Circo das Celebridades e do uso de animais no circo. Como tentei dizer diplomaticamente à pessoa que me enviou um deles(não queria que ela ficasse muito chateada comigo), nada me poderia interessar menos.
Eu gosto de touradas, não muito, mas acho piada. Mas não me interessa para nada todos os argumentos dos dois lados da questão. Não gosto de circos, acho a coisa mais chata e insípida do mundo, e acredito que haja crueldade, negligência e falta de senso no cuidar dos animais, mas não me chateiem.
A mensagem é que se não fizermos nada é cinismo e falta de civismo.
Talvez…
Dizia a amiga que me mandou o mail que me enviou porque esta associação (ANIMAL) é mais low profile, mais comedida. Quanto a isso S. dou-te razão e admiro-os por isso. Já não posso ver aquela criatura do cabelo curto e por vezes espetado que faz parte de uma das outras associações.
Como disse no início, não estava à espera da fazer ponto nenhum…
Ficamos por estas linhas…

Resisti à tentação

Mas não sei durante quanto tempo, tudo depende do tempo que demorarei a ver as séries que tenho cá por casa, mas uma das minhas séries favoritas e que andava a ver se comprava (mas os preços de importação eram proibitivos) já existe em edição portuguesa.
Homicide, Life in the streets ou Departamento de Homicídios.
Pelo mesmo autor de The Wire, que não fez a série que queria, por restrições do estúdio, mas que mesmo assim vale muito a pena ver.
Experimentem.
Nota: Passava na RTP2.

DVDs

Há já algum tempo que deixei quase de ver filmes.
Por nenhuma razão em especial, e por todas. Comecei a comprar séries e estas levam-me algum tempo e prazer.
Tenho as 4 séries do 24, e já vi metade da 5ª. Tenho as primeiras 3 do CSI LV, e tenho visto a 6ª, tenho as 2 primeiras de The Shield (muito, muito boa), tenho as 3 de The wire, as 4 primeiras de The West Wing, enfim…algumas…
Ando neste momento a ver a 4 série de The West Wing e a 3ª de The Wire.
Na lista de espera estão Firefly, Carnivale e Lost…
Quem tem tempo para os filmes?
Claro que esta regra não tem nariz de santo e ontem vi The Descent.
Muitos compararam este filme com The Cave, até porque saíram na mesma altura. E vale a comparação, já que se consegue ver o que se pode fazer com pouco dinheiro, mas arte, engenho e capacidade de realização opostamente ao que se faz com dinheiro, efeitos especiais e pouco mais, como no caso da Caverna.
The Descent é um excelente filme inglês, not for the fainted heart, e vale a pena uma hipótese. Se tiverem de escolher entre os dois, deixem A Caverna a apanhar sol, é mau demais.

Tenho andado arredado destas andanças.
Muitos falam das benesses do 25 de abril enquanto feriado, e do fim de semana alargado, eu estive a trabalhar ontem o dia inteiro! Haja liberdade:p
Ouvi alguns programas de rádio sobre o 25 de Abril e a realidade é que a maioria dos ouvintes mais velhos encontram-se descontentes. Ganhou-se liberdade, direito de expressão, mas a verdade é que estes políticos são piores do que os outros ouvia-se pelas ondas da rádio, que Salazar morreu na miséria e estes vivem na mordomia.
Enfim, desabafos…


De papo para o ar, ao sol, depois de ter comido um gelado com umas bolas demasiado grandes para serem reais.
Num dos locais de que mais gosto. Zona ribeirinha de Ponte de Sôr.Posted by Picasa